Viagem – Buenos Aires em 1 dia

Oi pessoal!! Hoje é dia de falar de viagem!! Não sei por que, mas nas segundas feiras é quando mais penso em viagem! E hoje vou falar de um lugar que tem uma relação de amor e ódio com os brasileiros: Buenos Aires.

No meu caso, a relação é só de amor: achei o lugar lindo, as pessoas foram super simpáticas e me senti super bem vinda. Mas algumas pessoas reclamam da sujeira, do comportamento das pessoas etc etc. No meu caso, cresci em São Paulo e sujeira nas grandes cidades não me chama a atenção hahaha

Eu fui para Buenos Aires a trabalho, e por isso tive somente 1 dia para conhecer a cidade. Então, peguei um livro para ver os principais pontos turísticos e um mapa do Google Maps e fiz meu percurso. Consegui ver as coisas que queria em cerca de 4 horas e fazer várias fotos 🙂 Este foi o roteiro que eu fiz:

1- Comecei o passeio saindo do meu hotel, que ficava bem pertinho do cruzamento da Calle Florida com a Avenida Santa Fe. A partir desse ponto, a Calle Florida é um calçadão muito agradável, com lojas, livrarias, galerias e umas lojinhas bem parecidas com lojas de conveniência de posto de gasolina onde os alfajores são baratíssimos. Calle FloridaAndando no sentido centro, você não pode deixar de visitar as Galerias Pacífico, que fica à esquerda. É um shopping de luxo que fica em uma esquina e que tem uma cúpula MA-RA!

Galerias Pacífico

 

Continuando pela Calle Florida – e alguns alfajores depois – você também encontra a Livraria Ateneu, considerada por muitos um marco de arquitetura e design. É bem grande,  com vários andares, mas não achei os livros de bolso que eu queria 😦 Mas essa rua vale pelas construções, são lindas.

Seguindo mais um pouco pela Calle Florida, depois dos hotéis Ramada e Tryp, eu virei à esquerda na Avenida Corrientes – que dá no Obelisco. Eu peguei chuva, mas compensou. Eu achei a avenida muito bonita.

 

Pegando a primeira esquerda eu caí na Avenida Roque Sáenz Peña, também chamada de Diagonal Norte. É só seguir reto e por ela chegamos à Casa Rosada, palácio presidencial, e à Plaza de Mayo, onde normalmente ocorrem as manifestações na capital.

Plaza de Mayo

Plaza de Mayo

 

Exatamente atrás da Casa Rosada está o Puerto Madero – esse é um bairro que era o antigo Porto da cidade de Buenos Aires e que foi comprado por um empresário que revitalizou toda a área. Existe uma linha férrea que você pode atravessar a pé para chegar ao Puerto. Por lá temos a impressão de estar em um país de primeiro mundo – tudo muito organizado, ruas impecáveis, limpeza, segurança… tudo muito novo e muito lindo. E ligando as docas ao continente existem pontes, sendo a mais famosa a Puente de la Mujer, um monumento pelas mulheres.

Puente de la Mujer

 

Concluído esse passeio, peguei um táxi para ver o colorido bairro de Boca, para conhecer o Caminito. É TÃO FOFO!!

El Caminito

 

Seguindo por essa rua à direita dele tem várias lojinhas de souvenir. Mas é importante lembrar que esse bairro é mais perigoso que o centro da cidade – é bom tomar cuidado com bolsas, bolsos e ficar atento para não entrar em becos vazios. Por trás do Caminito você pode pegar a Av. Dr. Del Valle Iberlucea e chegar até o estádio do Boca Juniors (Go Boca Go hahaha). Em volta do estádio tem várias lojas com camiseta, boné, copo, cerveja, tudo que você imaginar do time. Eu comprei para o Rafa uma garrafa de vinho de comemoração do bicentenário do Boca – garrafa numerada – e não paguei caro. Acho que foi uns R$ 75,00 mais ou menos. Para entrar no museu do clube é preciso pagar, e como eu não gosto de futebol nem perdi meu tempo. Mas dá para ver uma escultura gigante do Maradona dentro da loja oficial.

 

Como podem ver, é possível visitar Buenos Aires em pouco tempo 🙂 quando virem aquelas super promoções de vôo por preços irrisórios, procurem um albergue, renovem o RG (é preciso ter um RG com no máximo 10 anos para poder entrar na Argentina – ou então o passaporte) e façam as malas!

Ah, em tempo: a única coisa mais barata que eu encontrei por lá foram os alfajores. Devido à inflação que eles estão sofrendo, os produtos estavam todos caros… mas se você não se importa de matar animais para se vestir, produtos de couro também são baratos.

Um super beijo!!

Anúncios

Diga o que pensa sobre isso

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s