Reforma…e os transtornos que más escolhas trazem

Hello galz!! Como estão?

Algumas de vocês devem saber, pelo meu Facebook, que minha casa está em reforma. Aliás, por ser uma casa muuuuuuito antiga, minha casa está em reforma desde que a compramos hahahaha

Mas, dessa vez, a reforma é grande. Por isso, não seguir conselhos que eu mesma sempre dei a quem ia iniciar uma construção acabou nos dando prejuízos igualmente grandes. E então eu achei que seria legal dividir com vocês esses conselhos, que são resultado de quem passou a vida inteira morando em casas em reforma. Isso porque meus pais e eu nos mudamos para nossa primeira casa quando ela ainda não tinha nem reboco nas paredes, e eu tinha 1 ano de idade – e levou minha vida toda para terminarmos essa casa. E aí eu casei, e vim para uma casa que precisa ser reformada inteira! hahaha

– Quando achar um pedreiro de confiança, grude nele como tatuagem – mesmo que ele esteja com a agenda lotada, espere que ele esteja livre para seguir com sua obra. Esse foi meu maior erro, por isso coloco o conselho em primeiro lugar! Eu tinha um pedreiro sensacional, o Seu Zezito, e ele ficaria ocupado até junho passado – por isso resolvi arriscar e contratar uma turminha que nos fez perder tempo, dinheiro e juventude no olhar. Só passamos raiva!! Tivemos que parar a obra, perdemos muito material, e só retomamos quando o Seu Zezito estava livre. Agora estou planejando sequestrá-lo e mantê-lo no meu closet o resto da vida hahahaha

– Em seu orçamento considere sempre o dobro de gastos. A obra jamais vai custar o preço inicial que você calculou. Normalmente ela vai custar entre o dobro e o triplo da mão de obra orçada pelo pedreiro mais o material que ele estimou. As principais causas são mãos de obra que não puderam ser previstas no orçamento (um recolhedor de entulho, ajudante para subir material de construção, uma parede que não estava planejada, um encanador para mudar algum cano de lugar etc) e itens que não se pode estimar quando ou como serão necessários (caçamba e tijolos/cimento/cal, por exemplo). Por isso, não adianta fugir: se seu pedreiro orçou sua obra em R$ 5.000, e a lista de materiais que ele forneceu ficou estimada em R$ 5.000 no depósito, pode ter certeza que sua obra não sairá por menos de R$ 20.000

– Caso ainda não tenha um pedreiro de confiança, só contrate algum por indicação. Jamais contrate alguém porque viu uma placa em uma obra. Caso ninguém consiga indicar nenhum profissional, visite as obras do pedreiro-charada e converse em particular com os contratantes. Assim é mais fácil você saber se o profissional é confiável ou se não passa de uma placa bonita em uma obra

– Sempre regularize obras na prefeitura antes de iniciar. Algumas cidades têm regras quanto ao aproveitamento do espaço do terreno (a minha, por exemplo, tem uma regra de porcentagem mínima que o terreno deve ter de mato), metragens de respiro entre imóveis e outras. Regularizando sua obra antes de iniciá-la você terá a segurança de evitar multas futuras, saber que sua obra não será embargada e ainda garantir a segurança do que for construído

– Aproveite as pontas de estoque e material usado. Em sites como o Sobra da Obra, ou mesmo no Mercado Livre, você encontra vários itens que sobraram para outras pessoas e que podem sair muito mais baratos para você. Isso só não vale para cimento: ele jamais deve ser comprado usado, porque tem uma vida útil muito curta

Espero que esses conselhos possam ajuda-las a não fazerem besteiras como eu fiz 🙂 e que dicas vocês têm para compartir?

beijocas!!!

Anúncios

4 responses to “Reforma…e os transtornos que más escolhas trazem

  1. hehehe engraçado ler esse post, pois acabei de passar massa corrida com meu noivo na parede de um quarto na nossa casa que ainda falta terminar para pintar e deixar perfeitinho. Meu pai é pedreiro, então, muita coisa da reforma ele tem feito e nas horas livres eu me meto a fazer huahuahauhua Bjs e que nossas casas fiquem prontas logo, para curtimos a casa recém reformada com mto mais gosto 🙂

    Gostar

    • Que sorte ter pedreiro na família! Para mim só resta sequestrar um mesmo! Hahaha eu voto por você fazer um videozinho ensinando a gente a fazer esse acabamento, aposto que várias outras leitoras também iam gostar!! 🙂 e foco na casa pronta, linda, para termos força para passar por essa fase! Bjooo

      Gostar

  2. Otimas dicas. Mas lembre-se:
    Por mais que vc possa ter: prejuízo, raiva,nervoso, tudo acontece comparado a dor de parto: Assim que passa vc não sente mais nada. Só fica a alegria e realização de um sonho num lar abençoado.
    E a experiência que poderá passar aos seus filhos…

    Gostar

Diga o que pensa sobre isso

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s