Equilibrando Reeducação Alimentar com Encontros Familiares

Olá meninas!! Como estão vocês?

Como contei para vocês ontem, passei esse fim de semana na casa da sogra e da vó… e a vó, como eu, estava morrendo de saudades porque não nos víamos há meses… e então ela quis fazer tudo que eu gosto em um só fim de semana

gif_desesperada

Pois é. Maaasss – dra. Fernanda me ensinou como lidar com essas situações. E conheci uma fofa essa semana que me inspirou a compartilhar com vocês as dicas que eu tenho para esse tipo de situação (obrigada pela inspiração, Andressinha!).

É muito comum, quando estamos tentando começar a comer direito, sentir um desespero cada vez que somos chamadas para uma reunião familiar. Por uma questão cultural, reunião familiar é igual a muita comida, pessoas que projetam amor na comida, e chantagens emocionais.  Por isso é importante preparar-se, não só em termos de calorias mas também em termos emocionais.

Pessoas que comem muito e engordam têm uma relação emocional com a comida muito mais forte que aquelas que comem o que precisam para manter seu corpo funcionando. Por isso, quando aquelas tias gordinhas, vós, primas, cozinham para você, estão, em suas cabeças, colocando todo o seu amor e oferecendo a você. Assim, se você simplesmente recusar porque sabe que seu corpo não precisa de tudo aquilo, irá magoá-las. Para evitar magoar quem você ama, é preciso fazer duas coisas:

1) Já se preparar antecipadamente para ingerir mais calorias do que deve. As reuniões familiares são sempre programadas – então, você pode ficar a semana anterior ao evento controlando um pouquinho mais o que come e fazendo pelo menos 10 minutos a mais de exercício por dia. O mesmo na semana seguinte. Como sabemos, estoque de calorias é matemática, e uma pisada na jaca não vai desprogramar a maneira como seu corpo está utilizando os novos nutrientes. Então, garantindo que você queime nessas duas semanas mais do que você normalmente queima, o que entrar a mais será consumido

2) Demonstrar o carinho de outras formas, para deixar claro que você não está recusando o amor de ninguém se não quiser repetir o prato ou comer todas as opções de sobremesa. Fique abraçada com a cozinheira, dê beijos, carinho, um presentinho, leve uma flor, diga o quanto a comida está gostosa. Com o tempo, sua família entenderá que para você o amor é demonstrado de uma forma diferente, nem que seja por ver que é mais gostoso ganhar um abraço que ver alguém comer um prato 🙂

Uma última dica para que você não exagere até passar mal (sim, você vai passar mal se comer muito mais do que deve porque seu corpo não consegue mais digerir tudo aquilo de uma vez): não chegue com fome. Se você já tiver comido alguma coisa, além de não exagerar mais que o necessário para demonstrar sua consideração, ainda tem uma desculpa para dizer que não aguenta mais. Diga que estava com tanta fome que já beliscou alguma coisa 🙂

Espero que essas dicas ajudem às meninas que têm sofrido tanto com as pressões familiares. Reeducação alimentar envolve um aspecto muito importante: tratar das relações emocionais entre as pessoas. Não se esqueçam disso!

Um super beijo, fiquem com Deus!!

Anúncios

4 responses to “Equilibrando Reeducação Alimentar com Encontros Familiares

  1. Poxa que honra querida! Quando eu li me vi dando pulinhos de felicidade mentais!! rsrs ~Aloka Obrigada por essas dicas maravilhosas querida, pois elas são realmente de grande utilidade, e da próxima vez que eu tiver que ir para casa de algum parente irei por elas em prática com certeza, porque é o melhor a se fazer, preparar o nosso corpo, tratar nossos familiares com amor e ir alimentada para as confraternizações. Obrigada novamente pelas dicas! Beijões pra ti! 😉

    Gostar

  2. Pingback: O Equilíbrio como Chave | De Salto Alto e Notebook·

  3. Pingback: Ceias sem neurose! | De Salto Alto e Notebook·

Diga o que pensa sobre isso

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s